20 maio

Um a cada três imóveis financiados no país foi pelo consórcio

O consórcio imobiliário tem se tornado um meio importante para a compra programada de bens. Sem juros e com parcelamento integral, é possível adquirir casa, apartamento e até imóvel na planta com a carta de crédito do sistema de consórcios. São inúmeras vantagens e possibilidades para não sobrecarregar o orçamento e ainda, programar uma compra com segurança e economia.

O consórcio funciona como um autofinanciamento. Diferente de outras modalidades, nesse meio não há empréstimo de dinheiro e sim, uma maneira eficaz e programada de poupar mês a mês os próprios recursos, para assim, comprar o bem desejado.

De acordo com a Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios (ABAC), o setor de imóveis, depois de mostrar retrações de 2009 até 2014, as médias de presumível participação cresceram nos últimos três anos (2015, 2016 e 2017). Ao avançarem de 11,4% (2014) para 29,3% (2017), mostraram crescimento de 17,9 pontos percentuais ou 2,5 vezes o atingido quatro anos antes.

O setor de imóveis indicou que um a cada três imóveis financiados no país foi pelo consórcio, considerando a somatória daqueles pelo SBPE Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo e os pelo Sistema de Consórcios. Paraná liderou entre os estados com 44,4%, com média superior às demais regiões e mais alta que a média nacional. No segundo lugar, Rio Grande do Sul ficou com 35,3% e Minas Gerais com 31,5% em terceiro.

Diante dos bons resultados, a média regional do Sul foi de 37,2%, enquanto que a do Sudeste fechou com 29,2%, ocasionada pelos bons resultados dos estados mineiro e paulista.

Fonte: www.consorciodeimoveis.com.br

Share this